ONLINE
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  The best bookmakers at: I want to seize these offers now!

Profissionais do Poker são forçados a viajar para competir

Profissionais do Poker são forçados a viajar para competir

Mesmo com eventos virtuais, profissionais do poker são forçados a viajar para competir em torneios; confira detalhes.

por Academia   |   Comentários 0

Neste ano, tivemos diversas adaptações em campeonatos ao redor do mundo. Alguns grandes campeonatos de poker presenciais tiveram que ser suspensos e realizados de forma virtual. No entanto, a competição WSOP registrou cerca de 40 mil pessoas que tiveram de apresentar documentos de identidades e comprovação de residência para participar do torneio. Mesmo assim, os profissionais do poker foram obrigados a viajar para competir no torneio, mesmo de forma virtual. Segundo informações, os participantes foram obrigados a estar em Nova Jersey e Nevada, para que o aplicativo de geolocalização pudesse confirmar suas presenças onde o cassino Caesars Entertainment possui licenças para realizar apostas online. “Uma opção viável em ambas as costas”, relatou o diretor executivo do WSOP, Ty Stewart.
 

Faça parte do nosso canal no Telegram - Clicando AQUI!


Embora o World Series of Poker tivesse adotado a ideia de migrar para o mundo virtual, a entidade enfrentou diversos obstáculos. Primeiro, os profissionais teriam que estar em um dos dois estados autorizados dos Estados Unidos para competir. Além disso, caso o profissional tivesse interesse em competir em torneios de premiações maiores, teria que deixar os Estados Unidos.
 
Com todos estes acontecimentos, muitos profissionais ficaram de fora da competição por conta de não adotarem a ideia de ter que viajar. Vale mencionar que o Canadá, assim como outros países, possui uma série de exigências por conta da pandemia para a entrada de norte-americanos.
 
Até mesmo algumas cidades do México adotaram este protocolo para receber visitantes. No país, está sendo permitido a entrada de visitantes somente por aviões. Com isto, muitos profissionais famosos embarcaram em um voo para Cabo San Lucas, no México, como: Negreanu, Phil Hemuth, Maria Ho e Brad Owen.
 
Apesar do poker virtual ser uma categoria relativamente nova, ainda existe grande possibilidade de jogadores utilizarem softwares de trapaças. Por conta disto, muitos campeonatos ainda são realizados de forma física, porém, com este problema de profissionais terem que viajar para competir.
 
Nos Estados Unidos, alguns profissionais estão decepcionados com a regulamentação do país em relação à modalidade que ainda não foi liberada na esfera federal. Por conta disto, muitos jogadores que não possuem o poder financeiro para viajar, adotam o método de burlar a questão geolocalização, utilizando trocas de VPN (redes privadas virtuais). Porém, caso o profissional seja pego utilizando desta manipulação de VPN, o prêmio é confiscado.
 
Faraz Jaka, um dos jogadores profissionais de poker, criticou a lei estadunidense dizendo que: "A lei dos Estados Unidos é burra, é estúpida. Eu não me importo de qual sofá você está jogando. A demanda é enorme. O poker é um jogo de habilidade. Quando houver mais medidas no sentido da legalização, não precisaremos rodar o globo para sentar na frente de um computador."

Aposte hoje mesmo através das melhores casas de apostas!

Registre-se na maior casa de poker do mundo, a PokerStars!


, , , , , , , , , , ,

Partilhar "Profissionais do Poker são forçados a viajar para competir" via:

Enviar comentário

Comentário (0)


 
p