ONLINE
111
Menu
Começar Pontos Academia Curso Prognósticos    Análises    Pesquisar Prognósticos Estatísticas de Futebol Estatísticas de Tênis Estatísticas de Basquete Estatísticas de MotorSports Artigos Promoções Concursos Fórum

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
  Visit our site in english Go to Betting Academy
           

Mantendo uma Gestão de Bank BLINDADA: exemplo pratico (2/2)


Mantendo uma Gestão de Bank BLINDADA: exemplo pratico (2/2)

Para uma gestão de bank tem que dividir o bank em algo apropriado e ainda fazer uma boa distribuição dos lucros.

Neste 2º artigo deste assunto você vai ficar com uma ideia dos valores que eu recomendo adotar dependendo de onde e das odds onde está apostando.


Parte 2 - Exemplo prático de uma Gestão de Bank Blindada

Agora saindo do mundo da teoria, vamos ao que interessa: a prática.

Bom, todas aquelas informações que foram citadas no artigo anterior (link) são importantes na hora de dividir o bank, pois terá que dividi-lo de acordo com o mercado, mínima de odds, esporte e valor total da banca. Então vamos aplicar isso na prática.

Digamos que João queira apostar em Horse Racing, ele vai trilhar o mercado de Win, com a mínima de odds em @4. João jamais vai apostar qualquer unidade de seu bank em uma odds menor do que aquele valor estipulado. 10 Mil Libras. E o período de atualização da banca ele definiu como de um ano.

corridas-cavalos
  • Bank: 10.000 £
  • Odds mínima: @4
  • Esporte: Horse Racing
  • Mercado: Win
  • Período: 1 ano

A divisão do bank de João de acordo com o mercado e a mínima de odds, ao meu ver, deve ficar em uma divisão mínima de 80 Unidades, isso dará mais liberdade a João e não o colocará sobre pressão, pois o esporte que ele escolheu tem muitas oscilações. Mas é claro que contamos que João já seja um especialista no mercado que vai apostar, então presumimos que como um bom especialista João vai ser lucrativo.

Abaixo a divisão da banca nas 80 unidades:

10 Mil £ / 80 = (125 £)

As unidades de João serão de (125 £). Sendo que meia unidade será de 62,5 £. Nessa conta, a unidade fixa de João representa em relação ao bank, cerca de (1,25%). É um bom número, algo seguro.

sinal-divisao
  • Bank: 10.000 £
  • Unidade: 125 £
  • Divisão: 80 Unidades
  • Odds mínima: @4
  • Esporte: Horse Racing
  • Mercado: Win
  • Período: 1 ano

E durante um ano, não importando se seu bank triplique, ou oscile diminuindo pela metade, pois João está trabalhando em uma porcentagem segura e irá manter a unidade fixa em 125£ até o final deste período, onde depois de chegar ao fim e fazer o levantamento anual, João irá adaptar sua gestão aos novos números.

Atualizar a banca no decorrer de um ano não quer dizer que João vai fazer saques Anuais, isso nada tem a ver.

O bank deve ser controlado de perto e você deve fazer esse controle manualmente fora do banco, neteller, skrill, casa de apostas, etc... Tudo na ponta do lápis como se diz por aqui. Eu costumo usar uma planilha Excel para esse controle, tanto de apostas, como de bank.

Mas mesmo chegando até aqui, ainda falta algo. Você precisa determinar como vai funcionar a distribuição de arrecadação de lucros.

Para começar vamos traçar o seguinte:

Seu Bank começa em 80 unidades, tudo que vier acima disso obviamente será lucro. Então só vamos aplicar a distribuição de lucros quando o seu bank estiver acima de 80 unidades.

Digamos que na primeira semana de João apostando ele teve um lucro de 12 unidades e hoje seu bank tem 92 unidades totais.

Essa será a primeira vez que João vai aplicar a distribuição de Lucros.

Isso é algo bem pessoal, acredito que quando se quer ser um profissional nesse meio começando com pouco, precisa-se ser bem pé no chão e focar em aumentar seu bank, por isso a fatia maior dessa distribuição de lucros deve ir para o bank. E temos que lembrar que aqui a divisão será tripla, sendo o lucro gerado, parte devolvido ao bank, parte aplicado no caixa 2 e parte aplicado no caixa pessoal de saque.

distribuicao-lucros

Números que eu acho eficientes, e mais uma vez é a minha opinião. 40% da Unidade direcionada de volta para o Bank, 25% para o caixa 2 e 35% para o caixa de saque.

Sendo assim João estará investindo no seu futuro cerca de 40% do arrecadado (os 40% que vão voltar para o Bank), nisso 25% do arrecadado vai para sua segurança, assim o caixa 2, ou seguro, vão acumular uma quantidade de unidades que pode voltar para o bank a qualquer sinal de problemas. Lembrando que jamais vamos fazer a redistribuição de lucros se o bank tiver menos de 80 unidades, em casos assim, às unidades arrecadadas voltam 100% para o bank.

E por último estamos sacando 35% do arrecadado para a parte pessoal, o que será seu lucro a curto ou longo prazo, dependendo da sua escolha. Eu sempre preferi o longo prazo. Gosto de sacar uma ou duas vezes no ano e assim ver uma boa quantidade de dinheiro a minha frente, mas às vezes, saco pequenas partes também.

Nesse caso João teve o Lucro de 12 Unidades na semana, e na distribuição que traçou os números ficariam assim.

  • Arrecadado na semana: 12 Unidades
calendaraio-semanal

Distribuição:

  • Bank (40%): 4,8 Unidades
  • Caixa 2 (25%): 3 unidades
  • Caixa pessoal (35%): 4,2 Unidades

No bank de João 12 unidades significam 1.500 £, para o Bank foi devolvido cerca de 600£, para o caixa 2 foram aplicados cerca de 375£ e para o caixa pessoal foi sacado cerca de 525£.

Esse controle sobre os lucros pode ser feito semanalmente ou mensalmente, tanto faz, mas deve ser acompanhado em períodos curtos. O controle anual é apenas para a atualização do bank, assim o redividindo de acordo com os novos números.

O meu caso

Isso tudo foi um grande exemplo na prática, agora abaixo vou exemplificar os números de acordo com as minhas bancas, pois costumo manter mais de uma, as separo por esporte, por mercados, etc... E os números mencionados são sugestões. E tenho que lembrar que a diferença entre o futebol e o Horse Racing é grande, por isso o mercado nas corridas de cavalos tem que ser diferenciado, pois as odds mudam drasticamente.

Horse Racing (Punter)

Distribuição de lucros:

  • Divisão Mínima: 80 Unidades
  • Mercados: Win e E/W
  • Odds mínima: (@4 Win) (@8 E/W)
  • Bank: 40%
  • Caixa 2: 25%
  • Caixa Pessoal: 35%

Horse Racing (Punter)

Distribuição de lucros:

  • Divisão Mínima: 65 Unidades
  • Mercados: Pódio ou Place
  • Odds mínima: @1.8
  • Bank: 40%
  • Caixa 2: 25%
  • Caixa Pessoal: 35%

Futebol (Punter)

Distribuição de lucros:

  • Divisão Mínima: 50 Unidades
  • Mercados: Variados
  • Odds mínima: @1.61
  • Bank: 40%
  • Caixa 2: 25%
  • Caixa Pessoal: 35%

Bom, ficou claro que nessa visão, uma gestão de bank tem que dividir o bank em algo apropriado e ainda fazer uma boa distribuição dos lucros.
Os valores dessas distribuições que aqui deixei fixos em 40%, 25% e 35%, são valores que eu fui modificando com o tempo até chegar nesses números, os quais acho bem eficazes.

Não mencionei nada sobre trading aqui, pois penso que trading e punter devem ser assuntos separados, pois são tipos diferentes de investimentos e assim devem ser tratados de formas diferentes.

Aqueles que tem bancas pequenas, devem seguir o mesmo padrão, a evolução é mais lenta, mas funciona. Agora os que mantém uma micro banca já fica complicado de gerir o bank de forma saudável. Meu conselho é sempre estudar bem o mercado e depois investir com um valor considerável, algo que dê um bom retorno, pois do contrário fica complicado de manter atos profissionais e principalmente, de fazer valer o tempo investido nisso, pois o que todos nós temos de mais precioso nessa vida é o tempo, não o desperdicem à toa.

Espero que tenham gostado. Fiz esses dois artigos para atender as perguntas sobre gestão de bank e espero ter esclarecido as dúvidas, porém aqui só tem a minha visão sobre a gestão de bank, seria muito interessante ver a visão de outros apostadores sobre esse assunto.

Numa próxima vamos falar um pouco sobre trading.
Até a próxima.


Todos os artigos da série: "Mantendo uma Gestão de Bank BLINDADA!"
Parte 2 - A teoria.
Parte 2 - Exemplo prático.

banca, distribuição de lucros, exemplo prático, fundo de emergência, gestão de bank, investimento, lucro semanal, revisão anual

Partilhar "Mantendo uma Gestão de Bank BLINDADA: exemplo pratico (2/2)" via:

Enviar comentário

Comentários (14)

  1. Luiz Filipe Macêdo 17 Out 2014 - 22:18
    Mais um excelente artigo do Josué.
  1. AGM_RJ 18 Out 2014 - 04:18
    Artigo interessante
  1. FMR-fabricio 18 Out 2014 - 14:05
    Muito bom artigo .
  1. lucoelho1 18 Out 2014 - 17:48
    ótimo artigo! Vou esperar sobre trading pré-live e live.
    Grande abraço.
  1. carlos flores 18 Out 2014 - 21:04
    Estou iniciando de forma focada , com muito estudo e observação nas experiencias de apostadores como você. Fiquei surpreso em ler o seu artigo e ver muita semelhança das suas orientações com minha gestão de banca, e acredito estar no caminho certo. Aguardo novos artigos que possam enriquecer nosso aprendizado.
    Um grande e cordial abraço.
  1. Nicolas Salvador 17 Nov 2014 - 17:32
    Oi Josué, boa tarde
    Você tem a planilha em excel para disponibilizar para gente?

    Obrigado!
  1. jamal010 08 Dez 2014 - 23:33
    Muito bom,parabéns
  1. Luciano Pacheco 04 Mar 2015 - 10:20
    Cara,


    achei sensacional seu artigo, muito bom mesmo! Já estou aplicando as minhas gestoes inclusive, valeu! Só uma coisa, voce poderia disponibilizar uma planilha de exemplo pra galera e tentar por isso em um modelo de micro-bank-roll, como forma de projeto, saca? Se tiver interesse na ideia ou mais alguem, só mandar uma PM, abraços.
  1. Lucrobr 23 Ago 2015 - 21:48
    Obrigado Josué pelo artigo com certeza será muito útil para quem está iniciando neste mundo.
  1. lucasbgf 24 Ago 2015 - 16:52
    excelente, otimo artigo!

Procurar

Rivalo apostas esportivas