Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
United States, the best promotions, bonuses and bookmakers available at:
Take these offers now!

Liga de League of Legends entra em greve

Liga de League of Legends entra em greve

A LCS 2023, liga de League of Legends, é adiada por greve!

por Academia   |   Comentários 0
quinta, junho 1 2023

A Riot Games anunciou nesta semana o adiamento do início da LCS Summer 2023, a segunda edição da liga norte-americana de League of Legends nesta temporada, devido à greve dos jogadores profissionais. A greve foi divulgada pela Associação de Jogadores da LCS (LCSPA) em protesto contra a decisão da Riot Games de remover a obrigação dos clubes participantes da LCS de possuírem times na North American Challengers League (NACL).
 
Faça parte do nosso canal no Telegram - Clicando AQUI!

A LCS, que é um dos torneios mais importantes do cenário competitivo de League of Legends, estava programada para começar nesta quinta-feira, 1º de junho, mas agora será adiada por duas semanas. Em um comunicado divulgado pela Riot Games desde o início da greve, Naz Aletaha, chefe global de esports de League of Legends, afirmou que as duas semanas adicionais até a nova data de início da LCS permitirão um "diálogo produtivo" entre a LCSPA, os clubes e a organização da LCS.
 
A LCS não penalizará as equipes por não completarem os elencos listas durante este período de duas semanas para permitir que todos tenham espaço para se concentrarem em um diálogo construtivo. Estamos fazendo o nosso melhor para garantir que os funcionários, contratados e outros que apoiam o LCS não sejam afetados negativamente pelo atraso.” - revelou Naz Aletaha.
 
Confira todos os JOGOS DE HOJE e acompanhe ao vivo!
 
Em seguida, a head global de esports de League of Legends acrescentou: “Adiar para além da janela de duas semanas tornaria quase impossível realizar uma competição legítima e, nesse caso, estaríamos preparados para cancelar toda a temporada de verão da LCS. Levando isso adiante, se a LCS Summer for cancelada, isso também eliminará as equipes da LCS da classificação para o Worlds 2023. Eu quero deixar claro: esse não é um resultado que desejaríamos, mas infelizmente é a realidade de garantir que administramos um sistema global justo e competitivo.
 
Além disso, a head global de esports de League of Legends enfatizou: “Uma prioridade máxima para nós sempre são os fãs. Embora na semana passada tenhamos imediatamente implementado planos de contingência para começarmos a temporada da LCS na quinta-feira, acabamos decidindo que isso não seria fiel aos valores de esports da Riot Games de oferecer aos jogadores e fãs uma vitrine para o melhor League of Legends competitivo. Nada além de colocar os melhores jogadores da América do Norte no palco da Riot Games Arena é aceitável.
 
Enquanto isso, a LCSPA publicou uma nota, onde revelou: “Hoje à noite, uma coisa voltou ao foco: os jogadores são a LCS. Sem os jogadores, não há liga e não há esport. Desde o primeiro dia, a exclusão do processo de decisão levou os jogadores da LCSPA a decidir fazer a greve. O futuro da NACL e da LCS é grande demais para ser decidido do dia para a noite e sem as considerações dos jogadores.” [...] “Nós nos reunimos com a Riot hoje para pedir reuniões diárias - ou mais, se necessário - para chegar a uma resolução. A partir de amanhã, nós planejamos começar discussões que resultem em uma colaboração significativa para que os nossos jogadores possam voltar para onde querem estar: jogar no palco da LCS para os fãs.”
 
Diante disso, a diretora da Riot Games respondeu às propostas da LCSPA, mas recusou quase todas as reivindicações solicitadas pela entidade. Em relação à promoção e rebaixamento entre as ligas LCS e NACL, seguindo o modelo de VALORANT, a executiva da Riot Games declarou: “Expandir a liga para implementar um sistema de vagas para visitantes no estilo do Valorant seria contrário ao nosso modelo de parceria existente com as dez equipes da LCS que pagaram cerca de US$ 10 milhões por vaga para competir na liga. Isso diluiria o patrimônio das equipes da LCS e colocaria uma pressão considerável para baixo no valor da receita que compartilhamos com as equipes. Mais equipes no pool diluiriam as receitas que dividimos 50% com nossas equipes no modelo de parceria. Dado o clima macroeconômico desafiador, expandir a liga não é uma boa ideia neste momento.”
 
Além disso, a executiva da Riot Games ainda respondeu à questão da desenvolvedora bancar os salários dos jogadores da NCAL no valor de US$ 300 mil por ano aos times: “Este pedido é de vários milhões em subsídios para a NACL. Isso simplesmente não é sustentável e, para ser totalmente honesta, não deveria ser necessário. Temos outras ligas de nível 2 em todo o mundo que prosperam por conta própria e acreditamos que a NACL também pode chegar a esse ponto.
 
O que faremos é ajudar a cena norte-americana nessa transição. Portanto, estaremos investindo em um período de transição, fornecendo um pagamento único e especial de US$ 300.000 ao Operador de Torneio da NACL (Rally Cry) para apoiar as equipes da NACL durante a transição para a nova estrutura.”       .

esports notícias, lcs 2023, lcs lol 2023

Comentário (0)