Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.
United States, the best promotions, bonuses and bookmakers available at:
Take these offers now!

Manipulações no esporte brasileiro podem banir jogadores

Manipulações no esporte brasileiro podem banir jogadores

Jogadores poderão ser banidos no Brasil por manipulação de resultados.

por Academia   |   Comentários 0
terça, maio 16 2023

Nos últimos meses, o futebol brasileiro foi abalado por um grande escândalo de manipulação de resultados, que afetou até mesmo os principais campeonatos do esporte, como o Brasileirão Séries A e B. Diante dessa situação, está em andamento uma operação para investigar e punir os envolvidos nesse esquema ilegal, o que poderá resultar em prisões e banimentos de atletas no futebol brasileiro.
 
Faça parte do nosso canal no Telegram - Clicando AQUI!

Diante disso, o Procurador-Geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Ronaldo Piacente, se pronunciou sobre as irregularidades relacionadas à manipulação de resultados no futebol brasileiro. Em seus comentários, o Procurador-Geral destacou que jogadores envolvidos nessa prática podem ser banidos do esporte.
 
Quando esse atleta dá ou promete alguma vantagem para outro colega, ele pode ser eliminado [banido] do esporte e com uma multa de até R$ 100 mil. Se ele prejudicar a equipe que defende, com um cartão amarelo, vermelho ou pênalti proposital, a previsão de multa é de até R$ 100 mil e a suspensão de 180 a 360 dias. Se, porventura, atingir o resultado, a suspensão pode ser de até 360 a até 720 dias, também com a multa de até R$ 100 mil. E, em caso de reincidência, ele pode ser banido do desporto.
 
Confira todos os JOGOS DE HOJE e acompanhe ao vivo!

Além disso, o procurador-geral do STJD alertou os atletas do futebol brasileiro: “Os atletas estão sendo denunciados não só pelo MP-GO, mas pela Justiça Desportiva, o meu recado é que fiquem atentos. Além de vantagem indevida, vão acabar com a carreira, serão banidos. Além de terem o nome machado no esporte, porque imagino que nenhum clube vai querer contratá-lo. Pensem bem: é um dinheiro fácil agora, mas que vai refletir na vida profissional desse atleta. Nós vamos agir com rigor com essa questão de manipulação de resultado.
 
Sobre as manipulações de resultados no futebol brasileiro, o procurador-geral do STJD observou: “A Justiça Desportiva está vendo com muita preocupação essa questão de manipulação de resultados. À priori, era com aqueles jogos com menos visibilidade, mas o que assustou muito foi essa questão agora com as Séries A, B, C e A. Isso está refletindo em todos os campeonatos, é muito preocupante até pela prevalência da competição, pelo fair play esportivo, pela seriedade e transparência da competição A gente vê com bastante preocupação.
 
É importante dizer que a operação está atuando em conjunto com o MP-GO, com o procurador-geral do STJD tendo o seguinte sobre: “Estou fazendo um trabalho junto com o Ministério Público de Goiás. Temos trocado informações e tenho falado com o Dr. Fernando, que é chefe do Gaeco [Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado]. Eles têm nos ajudado bastante com informações para que possamos abrir inquéritos e oferecer as denúncias. Estamos combatendo essa manipulação de resultados.
 
Em alerta, o procurador-geral do STJD disse que se for necessário, poderá haver até uma paralisação da competição: “Para que se haja a paralisação da competição ou impugnação de partida, o ato teria realmente que influenciar no resultado da partida. Na Série A, por exemplo, o que estamos percebendo a princípio são questões de cartões amarelos e vermelhos. É uma medida extrema [paralisação do Brasileirão], mas prevista no Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).
 
Por fim, o procurador-geral da STJD falou a respeito da possibilidade de haver uma liminar de paralisação: “Liminar, a princípio, somente quando houver prova cabal, que deixe de ser a suspeição. O que temos são conversas de telefone, de whatsapp, e com base nisso é prematuro pedir uma liminar, mas os clubes já estão afastando esses atletas.
 
A nível de curiosidade, os seguintes jogos estão sendo investigados por manipulação de resultados.
 

JOGOS QUE ESTÃO SENDO INVESTIGADOS

Campeonato Brasileiro
10/9/2022 – Palmeiras 2×1 Juventude (tentativa de manipular um atleta do Juventude a levar cartão amarelo);
 
5/11/2022 – Santos 1×1 Avaí (tentativa de manipular atleta do Santos a levar cartão amarelo);
 
5/11/2022 – Red Bull Bragantino 1×4 América-MG (tentativa de manipular atleta do Red Bull Bragantino a levar cartão amarelo);
 
5/11/2022 – Goiás 1×0 Juventude (tentativa de manipular dois atletas do Juventude a levarem cartão amarelo);
 
6/11/2022 – Cuiabá 1×1 Palmeiras (tentativa de manipular um atleta do Cuiabá a levar cartão amarelo);
 
10/11/2022 – Botafogo 3×0 Santos (tentativa de manipular um atleta dos Santos a levar cartão vermelho);
 
Campeonato Paulista
8/2/2023 – Guarani 2×1 Portuguesa (tentativa de manipular para atleta ser punido com cartão amarelo);
 
Campeonato Goiano
12/2/2023 – Goiás 2×0 Goiânia (aliciamento para que o Goiânia tivesse derrota parcial ao final do primeiro tempo, que terminou 2 a 0);
 
Campeonato Gaúcho
11/2/2023 – Esportivo 0x0 Novo Hamburgo (manipulação de atleta do Novo Hamburgo a cometer pênalti; houve pênalti para o Esportivo, que desperdiçou a cobrança);
 
12/2/2023 – Caxias 3×1 São Luiz (manipulação para atleta do São Luiz cometer pênalti; houve pênalti a favor do Caxias durante o jogo);
 
Campeonato Mato-Grossense
11/2/2023 – Luverdense 0x2 Operário de Várzea Grande (tentativa de manipular para garantir determinado número de escanteios durante a partida).”
 

apostas esportivas notícias, manipulação apostas, manipulação apostas esportivas

Comentário (0)